Venda direta, tecnologia e sustentabilidade podem caminhar juntas?

Empresas mostram que é possível unir essas 3 vertentes

A sustentabilidade ganhou destaque permanente nas políticas das empresas. E não é apenas modismo. Muitos consumidores passaram a exigir e optar por produtos de marcas que sejam verdadeiramente comprometidas com valores e práticas sustentáveis.

Nesse cenário, as empresas de venda direta têm um peso especial: se por um lado levam ao mercado produtos que tenham esse tipo de preocupação, por outros, suas milhares de pessoas na força de venda também se tornam disseminadoras dessas ideias e atitudes.

E mais: a tecnologia pode ajudar. Graças aos avanços tecnológicos, é possível impulsionar práticas que visam o bem-estar geral da sociedade. Empresas brasileiras do setor vêm se destacando nesse mercado ultracompetitivo e mostram como sustentabilidade e tecnologia de ponta podem andar juntas.

A Natura e a sustentabilidade

Entre as empresas nacionais de venda direta, a Natura talvez seja a que melhor conseguiu inserir a sustentabilidade em suas políticas. A empresa de cosméticos valoriza ingredientes da biodiversidade amazônica e tem diversas ações de incentivo aos produtores regionais. Além da preocupação com a qualidade dos insumos e a maneira como eles são extraídos, há um fortalecimento da comunidade local e de todos os envolvidos na cadeia.

A sustentabilidade não se restringe a práticas externas na gigante mundial de venda direta. A empresa adotou em seus refeitórios a proposta do movimento “Segunda sem carne”, oferecendo aos funcionários alternativas a alimentos de origem animal e estimulando a reflexão sobre os hábitos de consumo. Ao memso tempo, a empresa usou mão da tecnologia e lançou um e-commerce para as consultoras venderem cada vez mais.

Todas essas medidas vêm tendo resultados: pelo 11º ano consecutivo, a Natura está no ranking “Global 100”, da Corporate Knights, que reúne as empresas mais sustentáveis do mundo.

Mais exemplos sustentáveis e tecnológicos em venda direta

Há outros exemplos também interessantes espalhados no mundo no mesmo nicho de mercado. A Herbalife estimula práticas de agricultura sustentável e investe em programas com a chancela da ONU. O objetivo é combater a desnutrição e melhorar a qualidade de vida ao redor do planeta.

A Forever Living, por sua vez, tem políticas tecnológicas internas agressivas para diminuir a geração a de lixo no processo industrial, reciclar dejetos e tentar diminuir progressivamente a pegada de carbono da empresa.

Os cosméticos são produtos com participação importante no portfólio de muitas das principais empresas de venda direta mundiais. A garantia de que os produtos são criados sem testes em animais foi lançada inicialmente e se tornou praticamente um padrão a ser seguido pelas demais. O investimento em tecnologia e na pesquisa de novos materiais para execução dos testes de segurança é um exemplo interessante de como uma vantagem competitiva pode se tornar uma prática de negócio e ainda trazer benefícios às empresas, ao mercado e às pessoas.

Outra movimentação interessante que une tecnologia e sustentabilidade é a luta para fornecer embalagens sustentáveis, fugindo dos plásticos; e pela criação de refis para produtos como shampoos e cremes, o que evita desperdícios e a geração de novas embalagens. Aqui, além do desafio de criar e manipular novos materiais, a tecnologia também é utilizada para otimizar o design das embalagens, um componente importante para estoque e precificação de produtos.

Posts Recentes

Dicionário do franqueador: conheça os principais termos do segmento

Como aproveitar a sazonalidade para faturar mais?

Venda direta, tecnologia e sustentabilidade podem caminhar juntas?

Como é feita a gestão de colaboradores no marketing multinível?

Como a tecnologia impulsiona as empresas do segmento de venda direta

Quais são os principais incentivos das empresas que atraem tantas revendedoras?

MEI, VD e MMN – como ter sucesso no segmento

Conheça as 5 maiores empresas de VD e descubra como trabalhar nelas!

Logística em comunidades e áreas de risco: como otimizar as entregas do seu e-commerce?

Quais são as vantagens de uma franquia ou varejo aderirem a vendas porta a porta?

Toda pirâmide financeira se disfarça de marketing multinível?

É possível obter autonomia financeira com a venda direta?

JUNTE-SE A NÓS

Entre para o grupo seleto de pessoas que assinaram nossa lista de emails.

Mazza ATS | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Luminni.com